Persona: você sabe com quem sua marca está falando?

16 abr 2018

Estar nas redes por estar não vai trazer resultados efetivos para sua marca, nem em termos de imagem nem de reputação. Em tempos de economia da atenção, em que cada vez os leitores recebem informações em menos tempo, conseguir produzir um conteúdo cativante e inesquecível é um dos maiores desafios.

Quem espere que um único texto, em formato padrão, servirá para todos os meios e fará sentido para cada um dos diversos nichos que existem está muito enganado. Antes mesmo de iniciar a produção do conteúdo e escolha da rede social em que irá atuar, a empresa precisa investir no trabalho de segmentação do público. É por meio dela que será possível produzir um conteúdo para um público, sendo mais assertivo e relevante.

Ao investir no mapeamento e segmentação do público, será possível direcionar melhor os conteúdos, definir a linguagem a ser adotada, analisar os canais e tecnologias envolvidas.

Então, que perguntas podem me ajudar a segmentar o público?

 

·        Quem é o cliente?

·        Quais redes sociais acessa?

·        Que linguagem utiliza?

·        Que idade tem?

·        Onde vive? (bairro, cidade, estado)?

·        Que assuntos despertam sua atenção?

·        O que gosta de fazer nas horas vagas?

·        Qual a área de atuação?

·        Qual o nível de instrução?

·        Quais obstáculos vivencia no dia a dia, dentro e fora do trabalho?

·        Como prefere consumir informação (tablet/computador/celular)?

·        Quantas horas passa por dia na internet?

·        Que tipo de informação busca diariamente?

·        O que influencia sua tomada de decisão?

 

A partir dessas perguntas, você é capaz de construir uma persona, perfil ideal do público com o qual quer se comunicar. Conhecendo as personas, é possível criar estratégias segmentadas. Vamos mergulhar no universo dos nichos, entregar conteúdos relevantes e fazer a diferença?

Muitas vezes reclamamos que , apesar dos nossos esforços, os públicos não estão se interessando pelos textos produzidos. Será que não falta esse direcionamento que a segmentação e construção das personas traz?

Bora lá fazer diferente?

 

Texto: Isabela Pimentel 
*Jornalista, Historiadora e  Especialista em Comunicação Integrada
Imagem: Divulgação   

 

Deixe um comentário

16/04/2018 Isabela Pimentel

Vamos juntos?